• Myrella Masseli

High Design Home & Office Expo - Greenbuilding Brasil - CONAD 2017

Sempre bom participar de Feiras e Congressos relacionados a nossa área, renovamos nossas idéias e nos impulsionamos as mudanças necessárias. A High Design Expo juntamente com a Greenbuilding Brasil acontecem sempre no mês de agosto. O Congresso Nacional de Design de Interiores organizado pela ABD também acontece nesse evento, mas é num espaço a parte dentro da feira.


Na feira vimos as novas tendências com renomados expositores, como Idélli, Dalmobille, Moora, Sollos, Herman Miller, entre outros, e alguns iniciantes com a mesma qualidade dos já conhecidos da área. Vários profissionais expuseram suas peças como verdadeiras obras de arte que encantou os olhos de quem visitou o local. Com toda certeza serão destaques se escolhidas para compor os ambientes em vários estilos.


Algumas fotos...


ELISA ATHENIENSE HOME

Elisa Atheniense Home
Elisa Atheniense Home
Elisa Atheniense Home

SAN GERMAN

San German

ACCORD ILUMINAÇÃO

Accord Iluminação

LEONARDO BUENO ART E DESIGN

Leonardo Bueno Art e Design
Leonardo Bueno Art e Design

SERGIO J.MATOS

Sergio J.Matos
Sergio J.Matos

GOLDEN ART

Golden Art
Golden Art
Golden Art

MOORA MOBILIA BRASILEIRA

Moora
Moora
Moora
Moora

HOLARIA

Holaria

TIDELLI

Tidelli

ESTUDIO BOLA

Estudio Bola

HA.FATTO

HA. FATTO

FELLICIA

Fellicia

NEOLITH

Neolith

EMPÓRIO DAS CADEIRAS

Empório das Cadeiras

RIVERA MÓVEIS

RIVERA MÓVEIS

PIU MOBILE

PIU MOBILE

DALMÓBILE

DALMOBILE
DALMOBILE

DIMLUX

DIMLUX
DIMLUX

BY KAMY

BY KAMY
BY KAMY

TRAPOS E FIAPOS

TRAPOS E FIAPOS

VASOS DA TERRA

VASOS DA TERRA

ESPAÇO POESIA DAS MÃOS - COMPANHIA DAS FIBRAS

Neste espaço encantador, de autoria da Companhia das Fibras, pudemos ver como é feita a tecelagem de um tapete. Ele ficou ali exposto no tear e podia ser manuseado por quem quisesse cooperar. O tapete confeccionado na feira foi leiloado e o dinheiro revertido para a APAE Campanha, de Minas Gerais.

COMPANHIA DAS FIBRAS

CONAD 2017

Este ano com o tema #ZEROU TUDO, vimos a necessidade de entender o consumidor com novos olhares.

Percebemos algumas mudanças no comportamento das pessoas no sentido do morar: de um lado a simplicidade do "menos é mais" nos micro apartamentos individuais com espaços de convívio comum nos condomínios e de outro a volta para os apartamentos antigos, de décadas passadas, com seus amplos ambientes com pés-direito altíssimos, sendo reformulados e trazendo características mais contemporâneas. A valorização dos espaços internos tanto com móveis inteligentes e suas múltiplas utilidades em espaços compactos ou o "retrofit" acontecendo com as aberturas de paredes integrando cozinhas a salas de jantar e estar.

Vemos o minimalismo, o desapego e a sustentabilidade gritando aos nossos ouvidos. A arte do compartilhar espaços e serviços fazendo da convivência uma oportunidade de trocar experiências. Os co-working como inspiração para os co-living e as co-houses: espaços compartilhados com idéias sustentáveis, plantas que não necessitam de tanta água, hortas orgânicas, salas de convívio e cozinhas gourmet podendo ser divididas com outros moradores ao mesmo tempo.

Observamos o envelhecimento da população com uma perspectiva de vida bem maior se comparada há tempos atrás. A necessidade de novas maneiras de morar para esses "jovens idosos" nesses condomínios clube, com suas adaptações necessárias e sendo perfeito para a diversão no final da tarde ou nos finais de semana com independência total da família.

Toda a tecnologia a nosso favor com automação das coisas, desde os sistemas de segurança até os mínimos detalhes do dia a dia, como acordar com seu café já sendo preparado que você deixou programado na noite anterior ou uma voz suave saindo de caixas de som embutidas avisando sobre sua agenda diária.

Assim vários palestrantes da área de design disseram a mesma coisa: repense, reflita, redesenhe... preparem-se para os novos clientes!


Tivemos uma boa conversa sobre a regulamentação da profissão de Designer de Interiores que ocorreu no ano passado, e nos foi explicado sobre alguns vetos que ainda estamos brigando para que a nossa profissão seja realmente reconhecida dentro dos mesmos parâmetros legais de outras profissões da área.


Sobre a importância da ABD como organização e sendo a voz dos profissionais em Design de interiores. Sobre nos associarmos e estarmos todos juntos, num mesmo lugar, para alcançarmos nossos tão sonhados direitos profissionais.


Aprendemos um pouco mais sobre as novas mídias e de que forma elas podem nos ajudar a conquistar novos clientes. A importância do Facebook e Instagram como meios de divulgação dos nossos trabalhos. Um pouco sobre as plataformas digitais como apoio e propaganda.

Tivemos uma palestra maravilhosa da Pantone, sobre as tendências das cores e de que forma elas são escolhidas. Deste ano de 2017 o Greenery foi escolhida a partir da necessidade de se reconectar com a natureza. Para 2018 uma surpresa, a cor não cor da Bolha de sabão, uma mistura de cores com transparência e leveza.


Foram ótimos dias para me conectar mais a fundo na profissão e acrescentar, como sempre, novos conhecimentos. Um combustível a mais para acender a paixão pelo Design que tanto me realiza como pessoa nesse mundo.



#Interiores #ConsultoriaemDesignerdeInteriores #decor #DesignWeekend #DesignerdeInteriores

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo